Seguidores

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Sonho ou Pesadelo?


Hoje, eu acordei meio Gavin Degraw em I Don’t Want to Be... Sabe... Aquela parte em que ele canta: “I don't wanna be anything other than what I've been trying to be lately.’’
Tive o sonho mais estranho da minha vida, preciso contar como foi:
Fui dormir mais cedo, deitei-me na cama e 5 segundos após fechar os olhos, me vi numa sala de estar, com um charuto em uma mão e um copo de uísque na outra. Ao meu lado havia uma mulher maravilhosamente linda. Ela era loira de olhos azuis como o oceano, pele clara, nariz fino e uma boca encantadora.
Levantei-me da poltrona e, ao se deparar com uma imagem estranha, um rosto largo, nariz grotesco e grande, olhos redondos e esbugalhados, tórax grande e um cabelo liso que cobria as orelhas, percebi que estava diante de um pequeno espelho em uma viga de gesso, e pensei: “Como? Meu Deus como? ’’
Logo depois de observar aquela mulher, um batido forte soou na porta. Ela foi atende-la e, em um piscar de olhos havia um policia parado na minha frente perguntando onde estava os diamantes roubados. Não fazia ideia do que aquele homem grande falava. Subiu sem pedir informações ao que aparentemente era meu quarto. Fiquei em choque, sem nenhuma reação, quando a linda mulher disse passando as mãos em minha perna:
- Vá buscar meu bem, acabou! Acabou... Acabou – um fio de lágrima desceu de seu rosto enquanto eu me levantava sem saber de nada.
Do que podia se tratar aquilo? Sem dúvida eu estava sonhando, mas como sair desta miragem? O medo consumia os ossos de meu corpo.
O guarda acompanhando tudo lá da sala. Subi a escada devagar, apoiando no corrimão. Os degraus fugiam sob meus pés. Eu suava feito um porco. Tinha a impressão que as luzes formavam um jogo de sombras e luzes, apenas desenhadas, não existiam. No quarto encontrei tudo revirado. Apaguei a luz que estava ligada e caí na cama. Relaxei o corpo a ponto de quase dormir, sentindo novamente o suor no rosto, no pescoço, nas mãos e nos lábios. Os músculos da minha face tremiam. Olhava ao redor mal distinguindo os móveis, o armário escancarado, gavetas abertas, peças de roupas pelo chão. Estava em meu quarto. Não compreendia absolutamente nada do que estava acontecendo. Ouvi a voz de alguém lá embaixo e não consegui compreender o que ela dizia. Sentia a presença de alguém ao meu lado como uma nuvem. A voz desse “alguém” aos meus ouvidos, seu rosto inclinado para me olhar, numa noite qualquer tentando me dizer: “O que você vai fazer agora?”. Neste momento eu fiquei totalmente paralisado e minha face branca como uma folha. O suor frio e a corrente de energia que passava pela minha espinha não me deixavam esboçar qualquer reação.
Tentava ordenar os pensamentos, traçar um plano, mas o que eu poderia fazer? Sair simplesmente correndo? Ou tomar uma atitude brava? Não... Estava tudo perdido, era tarde, nem que eu matasse aquele homem. Matar, matar – repetia a ideia fixa e sem sentido, pois restaria à mulher, talvez houvesse outros lá fora, e eu nem tinha uma arma, nenhuma. Lá embaixo a voz impaciente do investigador. Logo em seguida a voz suave da mulher me chamando. Vi-me plantado no meio do quarto,  os pensamentos se debatendo na cabeça. Vá buscar – ela me ordenava como se ordena um cachorro a buscar um osso qualquer. Estendi o braço entre o armário e a parede, tateei ansiosamente, procurando a bolsa. Era o único lugar em que poderia estar. Todos os outros haviam sido vasculhados. Meus dedos finalmente a encontraram. Retirei-a, apertando-a contra o peito, sem saber o que fazer. Era uma bolsa repleta de diamantes milionários. A voz do homem de novo, passos nas escadas. Eu corria para lá e para cá, procurava um esconderijo, passos na escada, girava no escuro em torno do mesmo ponto, a voz do homem, minhas mãos se afundando no couro da bolsa.
- Ai está seu merda, agora você vai morrer. – O guarda tirou uma arma da cintura e apontava para mim.
Foi naquele momento que pensei: “Esse homem não é um policial”. Ele engatilhou a arma apontou para a minha cara sem nenhuma expressão... Quando ouvi um tiro, abri os olhos esperando ter acordado e que tudo aquilo não passasse de um pesadelo mal encarado aos meus olhos, mas não. Vi o homem no chão estirado, morto. A mulher o havia matado. Ela apontou a arma para mim e atirou... Neste momento acordei com o estrondoso barulho de algo ao cair no chão. Sabia que aquele sonho significava alguma coisa, mas o que?
Levantei-me, e fiquei pelo menos 50 minutos olhando para o céu, sem expressão alguma, tentando pensar, lembrar, o que tinha acontecido. 


44 comentários:

Anônimo disse...

LOL q sonho estrano ~~

Ma Ferreira disse...

Aff..isso não é sonho.
é Pesadelo.
E quando a gente sonha esse tipo de sonho é pq teremos sorte na vida! rs
Um bj..
Ma

Paulo Bouvier disse...

É tem razão Ma, divido a isto, vou até mudar o titulo.

Eloah disse...

Adorei sua visita.Obrigado pela gentileza do comentário.Você como sempre surpreendendo com este dom de contar histórias.Sonho ou pesadelo? Fiquei em dúvida.Forte abraço.Eloah

Paulo Bouvier disse...

Eloh, obrigado pela visita e pelo elogio.
om... se é um sonho ou pesadelo, isso, fica na sua concepção.

blog. da Tereza Maria disse...

Olá querido
Obrigada pela visita.
As férias foram ótimas.
E vou ter sempre um tempinho pra deixar um beijo e ler você.
Volte sempre.
Beijo na alma
Saudações Poéticas!

João poeta disse...

Gostei da forma como escreve. Bom vir aqui te ler. Continue firme e forte nos seus sonhos. Viva cada momento, aproveite cada instante, passo a passo, o segredo está no caminhar...
Abraços,
João poeta.

Prof. juvenal disse...

Até que o começo da história dava para encarar: Uma loira, charuto e um bom uísque.

Do final mesmo, o bom é que você acordou.

rsrsrsr

Prof. juvenal disse...

Siga meu Blogspot, que fica mais fácil te visitar.

Abraços e tudo de bom.

Zéia disse...

Oi Paulo.

Gostei de sua visita dizendo vou estar sempre por perto. Isso é bom. Soa ao meu coração como uma amizade que está iniciando.

Vou estar tbm sempre por perto. Lendo vc. E orando por sua vida, já q vc entrou na minha, e costumo dizer, que nada em nossa vida é por acaso.

Um abraço.

Zéia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Evany Bastos disse...

Olá!
Gostei da forma que escreve, esta mais para uma crônica tens talento, me segue pois fica melhor pra vir sempre aqui ok. Obrigado pela visita lá no meu blog, vou ler e folhear teus escritos deixarei meu comentário.
Abraço.

Guma Kimbanda disse...

mulher bonita, pedras preciosas, guarda e estrondo de bala... suores encantamento e turbilhão de receios. um fio condutor e narrativa bem colocada, fizeram deste texto a vontade de desenlaçar o sonho/pesadelo e procurar entender. mas, será que sonho tem de obrigatoriamente se dissecar?
- penso que não. ou por outra, no tempo se lhe der-mos tempo acontece começar a entender melhor os porquês. porque nos sonhos, à volta do que é o cerne da questão, há a fantasia que acordados não temos, mas se faz reflectir quando sonhamos.

resumindo, por que o comentário vai extenso, uma vez mais gostei de te ler.

kandandos... inté!

Minhas coisas disse...

Pesadelooooooooo
Pesadeloooo
Coomeça como um sonho, mas logo se vê que um pesadelo dos mals

bom

Prof. juvenal disse...

Beleza.

Agora o clique fica mais fácil.

Tenha uma ótima tarde.

Sonia Beth disse...

Ótimo! prendeu a minha atenção. rsrsr

beijocas

Eliana disse...

Oi Paulo, esse sonho foi um pesadelo... rsrs.

Obs: Já tentei comentar outras vezes aqui e não conseguir, tomara que eu consiga agora.

Tenha uma ótima noite!!! Um abraço.

Eliana do Palavras que abraçam!

Eliana disse...

Consegui, que bom. Voltarei sempre, pois vale a pena! Parabéns Paulo!!!

Mi disse...

olá paulo,
obrigada pela visita, que sonho estranho!
já to te seguindo
tenha uma ótima semana
abraços

valquiria silveira disse...

Nesta vida conheci muitos amigos,mas esse blog realmente é um Sonho De Deus. Pois tem me dado amigos especiais. Amigo não é uma definição escrita ou falada,mas é o carinho o mimo de cada um sem dar,pedir nada. Obrigado pelos mimos,agradeço pelo carinho com o Sonhos De Deus. Gostaria muito de ti ver no feita poesia que é um pouco de mim se gostar me segue e comenta vou ficar muito feliz e vai me dar muito animo esta dificil não conseguir interagir com quem aprendi a amar a cada dia o feita poesia vai me colocar perto de vc ...Uma linda semana iluminada fica com papai do céu ! http://soueufeitapoesia.blogspot.com/

Paulo Bouvier disse...

Agradeço a todos os comentário.

Angela Fonseca disse...

Oi, Paulo, tudo bem? Agradeço a visita ao meu blog Notícias da Cozinha. Passe por lá e deixe seu recadinho sempre que quiser. Vim aqui muito rapidamente lhe responder, mas só mais tarde poderei voltar com calma, para conhecer melhor seu espaço. Um grande abraço, Angela
http://noticiasdacozinha.blogspot.com

。♥ Smareis ♥。 disse...

Você convidou e aqui estou. Adorei o que li. Seu texto é muito bem composto e detalhado.Esses são sonhos que não gosto muito de sonhar. Isso parece mais um pesadelo. Por isso gosto de dormir pouco, se não acabo tendo cada pesadelo rs. Adorei seu blog e ja estou te seguindo, me siga também ok? Bjs e voltarei! ótima noite!

Smareis

Lilian Bachega disse...

Olá Paulo !!! Gostei muito do seu blog, adoro ler... que sonho maluco heim. Obrigada pela visita e pelos elogios em meu blog... que bom que gostou do meu trabalho. Fique a vontade e volte sempre que quiser, eu voltarei mais vezes com certeza. Já estou te seguindo! Um abraço !!

Mafia Sonora disse...

Bom eu poderia sacanear e falar mulher bonita com você só podia ser sonho mesmo, mas aí não farei isso, só direi que texto legal e sério mesmo gostei, já estou seguindo Paulo até mais :-)

Sonia Pallone disse...

Oi meu querido, vim agradecer sua visita e carinho no Solidão de Alma. Deixo aqui meus parabéns pelo blog, gostei do seu estilo de escrever. Prende e vale a pena. Também te sigo. Abraços.

Bruno disse...

Muito bom Paulo, gostei bastante de seu blog !
com certeza vou te seguir^^
sigua o meu tbm!

http://imprecionivel.blogspot.com/

Ana Paula Gervason disse...

Obrigada Paulo por sua visitinha no meu blog. Pode usar as fotos à vontade. Gostei do seu blog e já estou seguindo...

Um maravilhoso final de semana para vc!

http://toutlamour.blogspot.com

Anônimo disse...

que bom.
Tu és um escritor maravilhoso.
lendo, me parece ler um livro de verdade.
vai ter futuro

Lorraine Stoodley disse...

Gente, esse sonho foi verdade??? parece coisa de livro policial!!! kkkk
Adorei teu blog já estou seguindo, depois segue o meu tb!
Blog da Lô
http://modabylolo.blogspot.com
@blog_da_lo

Betty Gaeta disse...

OI Paulo,
Adorei o conto. Tb gosto muito de romances policiais e minha autora preferida é Agatha Christie, embora já tem um tempinho que não leio os romances dela.
Parabéns pelo texto. Estou eguindo vc.
Obrigada pela visitinha. Adorei! É sempre bom ganhar um novo amigo.
Beijos 1000 e um final de semana maravilhoso para vc.

www.gosto-disto.com

'Lara Mello disse...

Talvez seja só mais um sonho louco :)

BY SIMONE disse...

oi paulo vim retribuir a visita no meu blog blog artes da si adorei suas mensagem e vou voltar claro pois nao consegui te seguir mas volto sim e va me visitar no meu outro blog de links e sorteios ja postei o seu la tbem www.blogsfera-bysimone.blogspot.com precisando passe la abraços depois eu volto...

BY SIMONE disse...

consegui te seguir seguidora blogsfera-by simone...ate

Andréa disse...

OLÁ PAULO, OBRIGADA PELA VISITA!
JÁ ESTOU TE SEGUINDO, SEU BLOG É SUCESSO, AMEI!

BEIJOS.......

KINHA disse...

Olá Paulo

Eu sou Kinha do blog AMIGA DA MODA e vim conhecer seu espaço que é lindo e interessante e por isto já estou te seguindo. Vou aguardar a sua visita e ficarei feliz se me seguir também.
QUER GANHAR UMA JOIA? A designer Eliana Colognese criou um belíssimo anel e gostaríamos muito de contar com a sua participação. Faça a sua inscrição no blog e...Boa Sorte

Bjooooooooooo...................
http://amigadamoda.blogspot.com

Carlos disse...

Olá meu amigo,
Achei um espetáculo este sonho!
Já tive um parecido... mas não me lembro direito.
A música, é MUITO legal.
Já vi ela na série One Three Hill.

Abraço.

Me chame quando postar a nova.

Carlos disse...

Me chame mesmo em!!!

Thiago Brito disse...

Poxa, incrível seu Blog, gostei bastante, me identifiquei muito..
Parabens pelas palavras

Passa lá no blog quando puder
http://essenciaego.blogspot.com/

abraço apertado

BRISA disse...

OLÁ
VIM TE RETRIBUIR SUA VISITA NO MEU BLOG. MEU MUITO OBRIGADA.PODE TER CERTEZA VOLTAREI AQUI SEMPRE. ESSE SONHO NÃO GOSTARIA DE TE-LO RSRSRS. JA SOU SUA SEGUIDORA. UM ABRAÇO FRATERNO.
BRISA

Anônimo disse...

que cabuloso manolo ¬¬

Patrícia Quel disse...

Paulo,

Adorei esse texto!!!

Vou ver se faço um post p/ homens e assim que ficar pronto eu leha aviso p/ dar uma olhada...

Bjs!
Te seguindo aqui

Jeferson Cardoso disse...

Paulo, não me lembro qual tenha sido o sonho mais estranho de minha vida, creio ter tido vários [sorrio]. Muito sinistro o seu [sorrio novamente]. Legal você vir aqui compartilhar. Obrigado por sua atenção ao meu blog. Mantenha-me informado de suas atualizações. É sempre uma alegria estar aqui. Abraço e ótima semana!

Obs. Estou pedindo aos amigos para que divulguem em suas redes sociais o meu conto dos casamentos, tenho pretensões para ele, preciso de comentários “O CASAMENTO DE SARAH” http://t.co/miEZ9m7 Posso contar com sua divulgação? Abraço!

Juju Porcino Loureiro disse...

Achei o seu blog "maravilindo"!!!
Vou te seguir!
ESTOU AQUI:
http://praverlerecriticar.blog​spot.com/
APAREÇA VIU???
BJS